28 junho 2015

O Discípulo da madrugada (Frases)

Pequena Sinopse :


 Em O Discípulo da Madrugada, Padre Fábio de Melo nos apresenta um personagem religioso e bem- intencionado que tem sua vida modificada ao se tornar amigo de Jesus, antes de presenciar sua crucificação. Um personagem que tem um pouco de todos nós. Ou muito. é preciso observá-lo  de perto pois pode ser que o conheçamos bem. Pode ser até que a identificação seja tão profunda que sem receios, possamos dizer: este sou eu. 



 Um  pouco sobre o autor. 

O Discípulo da Madrugada é o mais recente, trabalho literário, do Padre Fábio. O Padre, é um dos escritores mais, respeitados do país,esta sempre na lista dos mais vendidos,  seu primeiro livro "Quem me roubou de mim?" se tornou um  best-seller.  Mas o sucesso dos livros do Padre não parou só em "Quem me roubou de mim?" Os livro do Padre Fábio é sucesso de público e crítica, e já são  mais de cinco milhões de livros, vendidos. Vale muito apena, ler qualquer um dos livros do Padre.  Ou ler todos. Se você é um leitor que se identifica. Com livros religiosos, que contem um pouco de psicologia, por vezes,  poesias e muita sabedoria. Os livros do Padre são sem dúvidas  boas opções.


 
As  frases do livro "O Discípulo da Madrugada,  que selecionei.Traz em si, um pouco do que a leitura completa no livro nos faz refletir, sobre. Como muitas vezes  nosso modo de enxergar, Deus é equivocado. 



*Os descaminhos também nos fazem cegar. Ainda que nos falte discernimento para perceber, a natureza da vida é paciente com os debilitados. E não poderia ser diferente. Ela está atada ao inesgotável coração de Deus, origem de toda compaixão.


 * De acordo com o teólogo Andrés Torres Queiruga. Deus é constantemente vitimado pelos limites humanos. A riqueza da revelação divina sempre esbarra na pobreza de nossas abordagens. A voz de Deus é facilmente ocultada pelos ruídos de nossos equívocos. Por mais que queira nos fazer conhecer a grandeza de sua misericórdia, terá de enfrentar os estreitos  caminhos de nossa inteligência. 


*Deus nunca é mesquinho. Não podemos acreditar que Ele seja capaz de nos pedir algo que venha ferir sua essência. Deus é amor. E seu amor comporta a justiça.Mas nem sempre somos capazes de decifrar os desígnios de  Deus. Nem sempre temos um coração puro. A vida nos pesa. Os obstáculos impostos por nossos limites prejudicam na contemplação da verdadeira face divina.  


 * Não somos o que somos por acaso. A maneira como cremos em Deus está intimamente ligada ao tratamento que recebemos como filhos. é muito comum encontrar pessoas que nunca conseguiram ter uma experiência fecunda de Deus porque albergam lembranças desastrosas na alma. Foram privadas de conhecer a Deus através do amor.Limitaram-se á experiência do medo, que mais tarde, depois de crescidas, descobrem não fazer sentido, e então mergulham na indiferença religiosa. 




* A compaixão é uma fraqueza admirável.


*Deus é amor, e porque é amor jamais lhe pediria algo que não passasse pelo amor. 


 * O que já conseguimos conhecer de Deus não pode ser mensurado. Cabe apenas um conhecimento honesto de onde nos encontramos nesta travessia. 



*Ser livre não é fácil. É tarefa que nunca termina. A liberdade interior é um dom que carece ser cultivado diariamente. 



* A ação de Deus nos antecipa em tudo. No bem que fazemos, na profecia que gritamos, no amor que amamos. El só me pede aquilo que já me deu. 



* Eu ainda estava imerso em insuficiência, sofrendo de incompletude. O tempo que carecemos para viver uma entrega amorosa não pode ser qualificado. Tudo depende do quanto permitimos de ocupação. 


*A amizade é um encontro de almas que se reverenciam. Nesse encontro há a prevalência do mistério. Ter amigos é como ter uma religião. Exercemos a fé e temos a necessidade de ritos que evidenciam o que cremos. A vida ritual vai abrindo espaços dentro de nós.
 

 * A única revolução que pode transformar as  estruturas do mundo é a qui realizamos no estreito e delicado território da alma. 



* Um passo na direção correta é mais significativo do que andar uma estrada inteira num destino que não nos convém. 



*A caridade é a oração que mais se apressa em chegar ao coração de Deus. 



* Deus mora a uma oração de distância. 



* A intolerância com a fraqueza alheia é sinal de que o amor já fez as malas e partiu. 



* É  impossível não sofrer a dor dos que amamos. É um limite cruel, ver sofrer os que consideramos parte de nós. 



*É o mínimo que se espera de um amigo. Que se faça presente no momento que dele necessitamos. 



*A traição mais vergonhosa não é a que oferecemos ao outro. Há um modo ainda mais cruel de sermos infiéis. Trair pior, ainda mais cruelmente, aquele que traia si mesmo. 



* São as delicadezas humanas que nos ensinam o sobrenatural. 


Por Bia Oliveira 


Sobre Autor 


Fábio José de Melo Silva, mais conhecido como Padre Fábio de Melo (Formiga, 3 de abril de 1971) é um sacerdote católico, artista, escritor, professor universitário e apresentador brasileiro. Pertenceu à Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus. Atua na Diocese de Taubaté, no interior do Estado de São Paulo.

via   /pt.wikipedia.org/

Páginas das frases selecionadas da 11  a 71
Espero que gostem!  Chaw

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário